You On Top - Google AdWords, Google Analytics
II Timóteo

Autor: Paulo, o apóstolo.

Lugar e Data: Provavelmente tenha sido escrita em Roma, ano 65-67 d.C. Esta carta contém as últimas palavras do apóstolo.

Propósito:

  • Geral, o de animar e instruir o jovem evangelista em seu trabalho ministerial.
  • Especial, o de pedir ao seu filho no evangelho, Timóteo, que vá logo a Roma levando ao apóstolo o consolo da sua companhia, 1:4; 4:9,21.
  • Marco Histórico: Geralmente se crê que Paulo esteve encarcerado duas vezes em Roma, e que foi durante a segunda vez que escreveu esta carta. Anteriormente ele havia tido alguma liberdade, pois vivia numa casa alugada, At 28:30. Durante esse tempo teria acesso aos amigos, mas agora estava incomunicável e Onesíforo havia tido dificuldade de encontrá-lo, 1:17. Muitos de seus companheiros o haviam abandonado, ele esperava ser executado logo. Percebe-se, através da carta, um tom triste de solidão, e o anseio de Paulo de ver a seu amado Timóteo.

    Particularidades da Carta: As duas cartas a Timóteo contém exortações urgentes. É possível que Timóteo estivesse enfermo (veja I Timóteo 5:23).
    Talvez também fosse tímido, II Timóteo 1:6-7. A palavra "envergonhado" parece saliente na epístola.
    Paulo instou com ele para que não se envergonhasse de seu testemunho, de seu amigo prisioneiro, 1:8, ou de seu trabalho, 2:15.
    Exortou-o a considerar-se como um soldado em meio a uma batalha renhida, 2:3-4.

    A Carta pode ser dividida em quatro partes: Os capítulos proporcionam as divisões naturais.

    I Timóteo Tito