A águia

ÁguiaA águia é a ave que possui a maior longevidade da espécie ela chega a viver 70 anos. Mas, para conseguir chegar a essa idade, aos 40 anos ela tem que tomar uma séria e difícil decisão.

Quando atinge os 40 anos, ela está com as unhas compridas e flexíveis, não conseguindo mais agarrar as suas presas das quais costuma se alimentar. O bico, alongado e pontiagudo, se curva.

Suas asas envelhecidas e pesadas estão apontando contra o peito, em função da grossura das penas, e voar já é muito difícil!

Então, a águia só tem duas alternativas: Morrer, ou enfrentar um dolorido processo de renovação que irá durar cerca de 150 dias.

Esse processo consiste em voar para o alto de uma montanha, e se recolher em um ninho próximo a um paredão, onde não haja a necessite de voar.

Então, após encontrar esse lugar, a águia começa a bater com o bico em uma parede até conseguir arrancá-lo. ÁguiaApós arrancá-lo, espera nascer um forte e renovado bico, com o qual irá depois arrancar todas as suas unhas.

Quando as novas unhas começam a nascer, ela passa a arrancar então as velhas penas.

E só após esses longos e dolorosos cinco meses é que ela sai para o famoso vôo de renovação, e, para viver mais 30 anos.

Com a história da vida da águia (resoluta), podemos tirar proveito para aplicar em nossa própria vida.

Para que possamos continuar num verdadeiro vôo de vitória, devemos, antes de qualquer coisa, deixarmos de lado aquele passado dolorido que nos trás, não um aprendizado que nos faz corrigir o futuro, mas sim dor, tristeza, pesares.

Muitas das lembranças que temos de nosso passado, como aquilo que "estávamos acostumados" a fazer ou a viver, não devemos estar remoendo ou revivendo, e sim abandonando, deixando de lado. Nosso real e atual intuito é olhar para Jesus e seguir em frente, em direção ao futuro renovado. Não só Jó em todo o seu sofrimento passado, mas todos sabemos que até as árvores se renovam ao serem cortadas, então por que não nos renovarmos? "Porque há esperança para a árvore que, se for cortada, ainda se renovará, e não cessarão os seus renovos". (Jó 14:7).

E para isso, muitas vezes, teremos de subir no alto de uma montanha, não literalmente, é claro, mas nos resguardar por algum tempo e começar, como a águia, um processo de restauração. Devemos começar de novo, virar da página, mas para renovar o nosso interior, o nosso espírito. "Não pelas obras de justiça que houvéssemos feito, mas segundo a sua misericórdia, nos salvou pela lavagem da regeneração e da renovação do Espírito Santo". (Tito 3:5).

O recomeçar numa folha em branco é, talvez, a única maneira de nos livrarmos do que se foi, e estarmos completamente prontos para aproveitar o resultado valioso da restauração, principalmente se esta restauração foi por intermédio de Cristo e, se não estiver baseada apenas numa renovação exterior, mas na esperança em Deus, então estaremos aptos a voar como águias. "Mas os que esperam no Senhor renovarão as forças, subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; caminharão, e não se fatigarão". (Isaías 40:31).

Introdução Mensagens