Atitude é Tudo

Escolha o Melhor

Jerry era o tipo de pessoa que você ia adorar. Sempre de alto astral, e com algo positivo a dizer. Quando alguém perguntava para ele: "Como vai você?", ele respondia: "Melhor que isso, só dois disso"
Ele era o único gerente de uma cadeia de restaurantes, porque todos os garçons seguiam seu exemplo. A razão dos garçons seguirem Jerry era por causa de suas atitudes. Ele era naturalmente motivador. Se algum empregado estivesse tendo um mau dia, Jerry prontamente estava lá, contando ao empregado como olhar pelo lado positivo da situação sem se deixar vencer.

Sempre que eu me lembrava dele eu ficava pensativo, até que um dia perguntei a ele: "Eu não acredito. Ninguém pode ser uma pessoa positiva o tempo todo! Como você consegue?" E ele respondeu: "Toda manhã eu acordo e digo a mim mesmo: ‘Jerry você tem duas escolhas hoje: escolher estar de alto astral ou escolher estar de baixo astral...’ Então escolho estar de alto astral. Toda vez que acontece alguma coisa desagradável, posso escolher ser vítima da situação ou posso escolher aprender algo com isso. Eu escolho aprender algo com isso. Todo momento que alguém vem reclamar da vida comigo, eu posso escolher aceitar a reclamação, ou posso escolher apontar o lado positivo da vida para a pessoa. Eu escolho apontar o lado positivo da vida".

Eu argumentei: "Tudo bem! Mas não é tão fácil assim!" "É fácil sim" Jerry disse. "A vida consiste em escolhas. Quando você tira todos os detalhes e enxuga a situação, o que sobra são escolhas, decisões a serem tomadas. Você escolhe como reagir as situações. Escolhe como as pessoas irão afetar no seu astral. Escolhe estar feliz ou triste, calmo ou nervoso... Em suma: É escolha sua como você vive sua vida".

Eu refleti no que Jerry disse. Algum tempo depois eu deixei o restaurante para abrir meu próprio negócio. Nós perdemos contato, mas freqüentemente eu pensava nele quando tomava a decisão de viver ao invés de ficar reagindo às coisas.
Alguns anos mais tarde, ouvi dizer que Jerry havia feito algo que nunca se deve fazer quando trabalha em restaurantes: ele deixou a porta dos fundos aberta e, conseqüentemente, foi rendido por 3 assaltantes armados. Enquanto Jerry tentava abrir o cofre, sua mão, tremendo de nervoso, errou a combinação do cofre. Os ladrões entraram em pânico, atiraram nele e fugiram. Por sorte, Jerry foi encontrado relativamente rápido e foi levado às pressas ao pronto-socorro local. Depois de 18 horas de cirurgia e algumas semanas de tratamento intensivo, Jerry foi liberado do hospital com alguns fragmentos de balas ainda em seu corpo.

Encontrei com Jerry 6 meses depois do acidente. Quando perguntei: "Como vai você?" ele respondeu: "Se melhorar estraga! Quer ver minhas cicatrizes?" Enquanto olhava as cicatrizes, perguntei o que passou pela sua mente quando os ladrões invadiram o restaurante. "A primeira coisa que me veio à cabeça foi que eu devia ter trancado a porta dos fundos..." respondeu. "Então, enquanto estava baleado no chão, lembrei que eu tinha duas escolhas: podia escolher viver ou podia escolher morrer. Escolhi viver!"

Perguntei: "Você não ficou com medo? Não perdeu os sentidos?" Jerry continuou: "Os paramédicos eram ótimos. Ficaram o tempo todo me dizendo que tudo ia dar certo, que tudo ia ficar bem. Mas, quando eles me levaram na maca para a sala de emergência e vi as expressões nos rostos dos médicos e enfermeiras, fiquei com medo. Nos seus olhos eu lia: ‘ele é um homem morto’. Eu sabia que tinha que fazer alguma coisa."

"O que você fez?" perguntei. "Bem, havia uma enfermeira grande e forte me fazendo perguntas. Ela perguntou se eu era alérgico a alguma coisa... 'Sim', respondi. Os médicos e enfermeiras pararam imediatamente por causa da minha resposta. Respirei fundo e disse: 'sou alérgico a balas!' Enquanto eles riam eu disse: 'Eu estou escolhendo viver. Me operem como se estivesse vivo, não morto."

Jerry sobreviveu graças a experiência e habilidade dos médicos, mas também por causa de sua atitude espetacular. Aprendi com ele que todos os dias temos que escolher viver a vida em sua plenitude, viver por completo.


A exemplo de Jerry, devemos tomar as melhores atitudes, fazer as melhores escolhas que nos cabe a cada momento em nossas vidas. De cada escolha dependerá o nosso dia ou até mesmo o nosso futuro. Tudo quanto fazemos, refletirá em nossas vidas, muitas vezes, para sempre.

Devemos saber que existem as coisas ruins, as boas e as melhores; Caso tenhamos que escolher entre uma ruim e uma boa, certamente vamos escolher a boa; E se tivermos que escolher entre a boa e a melhor, não escolheremos a melhor? Certamente que sim! Baseado nestes simples argumentos é que, o cristão - como sou, está sempre escolhendo as melhores coisas. A Palavra de Deus nos diz: "Tenho-vos mostrado em tudo que, trabalhando assim, é necessário auxiliar os enfermos, e recordar as palavras do Senhor Jesus, que disse: Mais bem-aventurada coisa é dar do que receber". (Atos 20:33). Se estamos falando das melhores coisas, não é por acaso, Cristo havia dado esta instrução.

Por que o cristão escolhe estar na igreja, louvando ao Senhor? Ora, porque é a melhor escolha! O salmista no Velho Testamento já sabia que melhor seria estar um dia na casa de Deus do que mil dias em outros lugares. "Porque vale mais um dia nos teus átrios do que mil. Preferiria estar à porta da casa do meu Deus, a habitar nas tendas dos ímpios". (Salmos 84:10).

Por que o melhor livro para se ler é a Bíblia, ainda que exista outros bons livros? Porque é a melhor instrução! "Melhor é para mim a lei da tua boca do que milhares de ouro ou prata". (Salmos 119:72). O salmista, comparou a instrução de Deus, melhor que o próprio dinheiro, por que será? Não há dinheiro que pague o preço de uma alma! Não há dinheiro que leve uma pessoa ao céu! É necessário nascer de novo! "Jesus respondeu, e disse-lhe: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus". (João 3:3). E para isso precisamos da instrução de Cristo em nossas vidas. Precisamos estar nos Seus caminhos.

Nós, cristãos, já fomos comprados por bom preço, mas não dinheiro e sim o Sangue de Cristo, sua morte na cruz nos libertou. Agora somos dÊle. "Fostes comprados por bom preço; não vos façais servos dos homens". (I Coríntios 7:23).

Por que nós cristãos procuramos sempre fazer a melhor escolha? Por que nossa atitude é sempre pregar o Evangelho de Cristo às pessoas? Porque além de ser um mandamento de Cristo - "E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura". (Marcos 16:15) - estamos perante Deus isento desta culpa, ainda que estas pessoas não se convertam. "Mas, se advertires o ímpio do seu caminho, para que dele se converta, e ele não se converter do seu caminho, ele morrerá na sua iniqüidade; mas tu livraste a tua alma". (Ezequiel 33:9; 3:19).

Você já deve ter percebido que atitude é tudo!
Então, você tem agora 2 escolhas a fazer: uma ruim e uma boa:
1) Esquecer esta mensagem como se jamais a tivesse lido.
2) Enviar esta mensagem  ou falar dela para as pessoas que você conhece.
Mas você tem ainda uma escolha melhor: Escolha viver com Cristo!


Não devemos ser egoístas, Jesus jamais foi uma pessoa egoísta. Ele deu sua própria vida por nós pecadores, então se gostamos de alguma coisa ou se alguma coisa nos agrada devemos repartir. Devemos passar adiante. Espero que você faça a escolha certa!

Mas o que me der ouvidos habitará em segurança, e estará tranqüilo, sem receio do mal.

"Provérbios 1:33"

Mensagens Bíblicas Boa Dia, Boa Tarde, Boa Noite