O Carnaval

É de conhecimento de todos que há muito tempo a Igreja Católica Apostólica Romana determinou que os 40 dias que antecedem a Páscoa deveriam ser dedicados à preparação espiritual da celebração da morte e ressurreição de Jesus Cristo com jejuns, orações, santificação.
O motivo desta determinação deu-se porque durante a quaresma não era permitida a realização de bailes, banquetes ou quaisquer outros tipos de festas, então as pessoas começaram a se concentrar nos dias que a antecediam todas as festas do período. Tudo era tolerado desde que a pessoa na quarta-feira de cinzas fosse à igreja pedir perdão. Esta situação somada à cultura africana dos escravos, na época, resultou no que conhecemos hoje como carnaval - um misto de folclore afro-brasileiro e extravagâncias.

Eu sou cristão, e me faço uma pergunta: "Será que se Cristo voltasse no momento em que eu tivesse ido a um baile, ou uma festa, onde houvesse todo tipo de pecado... Jesus me reconheceria como cristão? Ele me chamaria de irmão?"

O aspecto do folclore é admirável e conta parte da identidade e da cultura do nosso povo brasileiro. A falsa idéia de se deixar levar pelo seu coração no sentido de "aproveitar a vida antes da quaresma" é que tem feito com que durante este período, e muitos outros, as pessoas criem ambientes de permissividade inigualável, se embebedando, se drogando, se prostituindo, mulheres traindo seus maridos e maridos traindo suas mulheres, havendo assim um ato pecaminoso e abominável perante a face de Deus.
"Porque esta é a vontade de Deus, a vossa santificação; que vos abstenhais da prostituição." (I Tessaloniceses 4:3).

A grande dificuldade é que as leis físicas não reconhecem este período em que "tudo é permitido", então muitos morrem de overdose, atropelados por bêbados, em acidentes de carro, jovens ficam grávidas, há todo tipo de violência que se formos enumerar esta mensagem tornar-se-ia grande demais. Tão pouco as leis morais não desaparecem e aquela jovem que na euforia, foi usada fisicamente sofre problemas de auto-estima, aquele que roubou, aproveitando-se da situação, vai para a cadeia e a culpa por causar acidentes, até mesmo com mortes, lateja na mente do responsável.

Todos temos consciência de que os mandamentos de Deus, suas leis espirituais, certamente, não são abolidas durante o carnaval ou qualquer outra data. Deus jamais se agradará do pecado, seja ele qual for: a imoralidade, a prostituição, a irresponsabilidade, o egoísmo e tantos outros. Aqueles que vivem praticando tais coisas estão provando que não são de Deus, que não são nascidos de Deus e passam a sofrer a culpa, o remorso, o afastamento de Deus. Quem faz tais coisas está de costas para Deus. A humanidade em geral, tem se deixado enganar pelos seus corações que as mesmas leis de Deus, que condenam também garantem o perdão.

A Bíblia nos diz que não há pecado grande demais que não possa ser perdoado desde que haja arrependimento verdadeiro. Deus está sempre pronto a nos perdoar, mas devemos buscá-Lo com sinceridade, devemos estar com nossos corações quebrantados e arrependidos. Devemos orar com sinceridade para com Deus!
"E a oração da fé salvará o doente, e o Senhor o levantará; e, se houver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados." (Tiago 5:15).
"Arrepende-te, pois, dessa tua iniqüidade, e ora a Deus, para que porventura te seja perdoado o pensamento do teu coração." (Atos 8:22).
"Na verdade vos digo que todos os pecados serão perdoados aos filhos dos homens, e toda a sorte de blasfêmias, com que blasfemarem." (Marcos 3:28).


Cristo tem poder nos céus e na terra, então tem poder para fazer com que as conseqüências difíceis do seu pecado sejam usadas para tornar você uma pessoa melhor. Arrepender-se é reconhecer o erro desejando mudar. Jesus está sempre disposto a perdoar e ajudá-lo a viver uma nova vida. Busque a Jesus agora com um coração arrependido e viva uma nova vida! Não fique se enganando ano após ano; cometendo pecado depois de pecado e sendo hipócrita dizendo-se arrependido e orando falsamente, Deus não se deixa enganar, Ele te conhece. E além do mais, tudo aquilo que fizer, planejado ou não, um dia você colherá não só aqui na terra como também no dia do juízo final de Deus.
"Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará."(Gálatas 6:7).
"Porque está escrito: Como eu vivo, diz o Senhor, que todo o joelho se dobrará a mim, E toda a língua confessará a Deus." (Romanos 14:11).


Será que o perdão está realmente garantido a todos? Vamos fazer uma análise: Se você comete um crime premeditado a lei dos homens é mais severa, não é? Então se você, nestas datas, planeja em seu coração pecar contra Deus, praticando tais coisas, você está cometendo um pecado ou até mesmo muitos pecados premeditados, será que Deus vai te perdoar? Será que haverá um arrependimento verdadeiro em você? Certamente que não! Você teve a intenção de praticar tais delitos e não se arrependerá de coração, isto é engano! Deus é amor, mas também é justiça. Deus conhece todos os corações!

Cristo, não diz que você pode cometer um pecado após o outro, Ele diz que se você cometeu pecados e percebeu que realmente é um pecador e necessita da ajuda dÊle, se arrependendo verdadeiramente, Neste caso, então, Ele te perdoa, mas a Palavra de Deus é clara; Isaías, o Profeta, já avisava o povo que seguindo outros caminhos não haveria perdão. Deus diz que você deve se converter do seu caminho mau e pare de cometer iniqüidades, passando a viver uma vida santa ao lado de Cristo e, principalmente, fazer suas vontades.
Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos, e se converta ao Senhor, que se compadecerá dele; torne para o nosso Deus, porque grandioso é em perdoar." (Isaias 55:7).

"Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim,
que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas". (Mateus 11:29).

O temor do Senhor é uma fonte de vida, para o homem se desviar dos laços da morte.

"Provérbios 14:27"

Mensagens Bíblicas A Carta