O Cavalinho

Running Horse

Numa linda tarde, como de costume, o "paizão" saiu para um passeio com as duas filhas, uma de oito e a outra de quatro anos.
Em determinado momento da caminhada, Helena, a filha mais nova, pediu ao pai que a carregasse no colo, pois estava muito cansada para continuar andando.
O pai respondeu que estava também muito fatigado, mas diante da resposta a garotinha começou a choramingar e fazer "corpo mole".
Sem dizer uma só palavra, o pai cortou um pequeno galho de árvore e o entregou à Helena dizendo: "Olhe aqui um cavalinho para você montar, filha! Ele irá ajudá-la a seguir em frente".
A menina parou de chorar e pôs-se a cavalgar o galho verde tão rápido, que chegou em casa antes dos outros. Ficou tão encantada com seu cavalo de pau, que foi difícil fazê-la parar de galopar.
A irmã mais velha ficou intrigada com o que viu e perguntou ao pai como entender a atitude de Helena.
O pai riu e respondeu dizendo: "Assim é a vida, minha filha. Às vezes a gente está física e mentalmente cansado, certo de que é impossível continuar, mas sempre encontramos um "cavalinho" que nos dá ânimo outra vez".

Uma curta, e simples estória, mas nos trás um grande ensinamento. Normalmente o ser humano, seja homem, mulher, criança ou não, está sempre prestes a se cansar e desistir. Alguns vão parando na estrada da vida. Outros tantos vão caindo pelo caminho e se recusam a dar um outro passo adiante. E outros, cambaleando, instem mais um passo aqui e outro ali, mas mesmo assim acabam se dando por vencidos.

Esse "cavalinho" nos lembra, sem dúvida alguma, daquela que é a maior das dádivas que poderíamos ter recebido pela graça de Deus - Jesus Cristo, Seu Filho Unigênito. "Porque a graça de Deus se manifestou, trazendo salvação a todos os homens, (Tito 2:11). Sabe por quê Jesus? Porque Ele, que era, que é e que sempre será o próprio Deus vivo, está a todo instante pronto a galopar com você, basta que você queira! "Ninguém te poderá resistir todos os dias da tua vida. Como fui com Moisés, assim serei contigo; não te deixarei, nem te desampararei". (Josué 1:5).

Todos necessitamos de Jesus, mas eu passo um recado a àqueles que realmente sente que necessita de ajuda, seja ou não naqueles momentos em que pensa estar cansado da vida ou desanimado com sua situação. A todos esses Jesus diz: "Vinde a mim, todos os que estai cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei". (Mateus 11:28).

Lembre-se, Cristo sempre esteve e estará pronto, não para ser seu "cavalinho" de montaria, mas para levar sua culpa, sua fardo pesado do pecado. Não temos que carregar nossos fardos Ele diz que podemos entregá-los a Ele. Jesus é o único que pode nos ajudar e o único que pode dar descanso à nossas almas a qualquer momento do dia ou da noite. "Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para as vossas almas". (Mateus 11:29). Precisamos deixar que Jesus seja nosso companheiro nas lutas e batalhas da vida, não só aqui nesta terra, mas principalmente no porvir. Quando deixamos que Cristo leve nossos pecados temos a liberdade de segui-LO carregando Seu fardo. "Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo e leve". (Mateus 11:30). Jesus nunca abandona aquele que O busca.

Servi ao Senhor com temor, e regozijai-vos com tremor.

"Salmos 2:11"

Mensagens Bíblicas O Cavalo e o Velho